Reaproximando Xiquexiquenses!

XIQUE-XIQUE OU BARRA PODERÁ TER UMA UNIDADE DE AÇÚCAR E ETANOL DIZ JOÃO LEÃO.

O estado da Bahia deve se tornar novo polo porque deverá receber 11 unidades produtoras de açúcar e de etanol. O motivo da implantação das unidades é para incrementar a economia da Bahia em um setor que gera empregos, tem forte participação em recolhimento de impostos. A implantação de unidades reduzirá a dependência do mercado da Bahia em açúcar e etanol. O peso dessa dependência é que atualmente a Bahia só produz 11,3% do etanol e 10% do açúcar que consome. Os investimentos serão feitos pela iniciativa privada, mas com incentivos públicos principalmente do governo estadual. Esses incentivos deverão ser aplicados pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE). Segundo o jornal A Tarde, de Salvador, o vice-governador da Bahia, João Leão, assume nesta semana o comando do SDE.

João Leite já divulgou pela imprensa que a Bahia pretende virar o jogo no setor de açúcar e etanol. O estado quer virar o jogo e reduzir a dependência de comprar açúcar e etanol de outros estados. Os investimentos na produção de açúcar e etanol, conforme o SDE, serão feitos ao longo do São Francisco, nas cercanias de Barra, Xique-Xique e adjacências. A primeira das 11 projetadas unidades deverá ficar em Muquém do São Francisco, com moagem de 1,7 milhão de toneladas. João Leão comentou para o A Tarde que uma aposta é adquirir unidades desativadas. Uma unidade já existente, segundo o novo diretor do SDE, custa em média R$ 18 milhões. Uma unidade nova, conforme ele, sai por R$ 180 milhões.

FONTE: JORNAL ATARDE.

Nenhum comentário

Atenção! Não responsabilizamos pelos comentários aqui, o autor responderá por cada um deles.